Precursor da videoarte tem primeira exposição em SP

BILL LUNDBERG, artista estadunidense pioneiro das videoesculturas e projeções em vídeo,  tem sua primeira individual (“UMA TERMINOLOGIA LINHA” ) numa galeria paulista. Professor aposentado da Universidade de Austin, no Texas, Lundberg se engajou em investigações estéticas que antecedem aquelas realizadas por Gary Hill, Bill Viola e Tony Oursler. Lundberg tem integrado os aspectos formais da pintura, da arte da performance e do cinema para tratar de questões sobre a condição humana.  Lundberg é casado com a importante artista brasileira Regina Vater, também pioneira da videoarte entre nós. Vide matéria de NINA RAHE na Folha: http://www1.folha.uol.com.br/saopaulo/2016/02/1739176-pioneiro-da-videoarte-e-tema-de-individual-na-jaqueline-martins.shtml

SUGERE-SE PARA ESTA PAUTA:

>> Cobrir a exposição e entrevistar o artista. É uma chance rara de entrar em contato com as obras de um dos precursores da videoarte e da videoescultura, até para endender o que esta estética significou para arte contemporânea e ainda significa para a linguagem artística.

>>Como a videoscultura influenciou as estéticas ditas digitais.

Inauguração dia 17 de fevereiro. Galeria Jaqueline Martins. R. Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 74, 1º e 2º andar, Pinheiros, região oeste, tel. 2628-1943. Seg. a sex.: 10h às 19h. Sáb.: 12h às 17h. Abertura: 17/2, 18h às 22h. Até 24/3. Livre. GRÁTIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *