Comissão Justiça e Paz e a ditadura militar no Brasil

A comissão de Justiça e Paz de São Paulo foi fundada pelo Arcebispo Dom Paulo Evaristo Arns em 1972, em meio às repressões do regime militar. Ligada à Arquidiocese de São Paulo, sua atuação visava dar proteção aos perseguidos e familiares por meio da esfera jurídica, ou quando não era possível, dar conforto e esperança a tais pessoas. O documentário Comissão Justiça e Paz e a ditadura militar no Brasil procura abordar a atuação do grupo no período entre 1972 e 1985, contando a história a partir do ponto de vista de três de seus mais importantes membros o período. Trabalho de conclusão de curso de Jornalismo da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Por João Paulo Caldeira Mario Dallari Bucci Professor orientador: Renato Levi Ano: 2009

Leave a Reply