DEBATE CRISE POLÍTICA E POLARIZAÇÃO IDEOLÓGICA: Entrevista com o Prof. Pedro Fassoni Arruda, Depto Ciências Políticas/PUCSP

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Segundo o Professor, a crise não é só do governo, mas uma questão estrutural do sistema político brasileiro. Fassoni identifica profundo ódio de classe nas manifestações da oposição ao Governo Dilma. Ele também discorre sobre os "interesses inconfessáveis" que estariam por trás dessa violenta articulação golpista e levanta paralelos entre o clima pré Golpe de 64 e o momento atual.Também destaca a questão da concentração do poder econômico da mídia tradicional. A entrevista foi realizada pelos alunos do 3o ano diurno de jornalismo, sob acoordenação do Prof. Elias Novellino.

Leave a Reply

2 comments

  1. Carlos Alberto Valdevino

    Petrópolis, 14 de abril de 2016.

    Boa tarde!
    Senhores do Supremo Tribunal Federal (STF), por favor, pelo amor de Deus, façam alguma coisa para que não aconteça o impeachment da presidente Dilma, caso ocorra seu impedimento, o vice presidente Iscariotes, digo Michel Temer, assumirá o poder do país, acho que ele é um oportunista, caso o vice Iscariotes também seja impedido; assumirá o mentiroso, meus Deus que país é esse? O moço “evangélico” que, afirmou nunca ter tido conta na Suíça, mas o Ministério Público de lá encontrou mais de 03 (três) vinculadas ao “Presidente da Câmara Eduardo Cunha”. Sei que sou um simples e humilde brasileiro, sei que não passo de um tremendo e grande pé de chinelo, mas fico pensando: será que sou apenas eu e mais alguns poucos que estamos enxergando as coisas dessa forma? Por que a grande maioria não esta conseguindo enxergar o obvio; ou não querem enxergar? Esse impeachment será altamente nocivo para o Brasil a curto, a médio e digo sem medo de errar, também a longo prazo, será que estou ficando louco ou realmente existe algumas pessoas que querem assumir o poder do país a força. Confesso que estou muito preocupado, tenho quase certeza que o afastamento da presidente Dilma não resolverá os problemas que o país vem enfrentando há décadas por causa dos corruptos e corruptíveis, em curto prazo realmente nada se resolverá, as coisas vão ficar muito pior e até correndo risco de uma guerra civil, a meu ver caso aconteça o impeachment será o mesmo que trocar 6 (seis) por meia dúzia, ou melhor, é trocar seis por três. Quando a presidente Dilma terminar o seu mandato poderá ser investigada e caso seja culpada de algum ato ilícito; aí com certeza poderá ir para prisão pagar seus crimes casos eles existam realmente. Acho que vale muito apena todos nós aguardarmos a vinda das próximas eleições para presidente da República. No próximo domingo a votação para realização do impedimento da presidente Dilma poderia começar assim: Aquele que não tiver cometido nenhum ato corruptível em toda sua vida; atire a primeira pedra, ou melhor, vote a favor do impeachment. Obrigado e me desculpem o abuso. Ass.: O simples mortal…
    Eduardo Cunha (afinal de contas o povo merece respeito) – parece que estou no acredite se quiser.

    • Carlos Alberto Valdevino

      Boa tarde!
      Presidente Dilma, por favor, tenha fé e ore a Deus em Nome de Cristo Jesus que no final tudo dará certo, esse lance do impeachment não pode acontecer. Fico pensando; fico imaginando; Michel Temer, Dudu Cunha, o mentiroso e cara de pau, o moço que se diz evangélico, no poder, governando o Brasil, também podemos correr o risco da volta do leiloeiro FHC; a volta do PSDB; Aécio Neves, entre outros, sinceramente só em pensar tenho calafrios, tenho fé e continuarei a orar a Deus em Nome de Jesus que tudo dará certo. Confesso à senhora que preferiria a volta dos milicos do que ver as pessoas e o partido que citei anteriormente governando nosso país. Desejo à senhora tudo de bom e peço desculpas por incomodá-la.

      Boa Tarde!
      Esse Juiz Sergio Moro, assim como a Rede Globo estão, (aliás, essa rede portuguesa nunca teve e acho eu que jamais terá amor e respeito pelos brasileiros), procurando chifre na cabeça de cavalo, será que não perceberam que o país está dividido, será que estão pretendendo uma guerra civil? Em minha opinião são irresponsáveis. Esse Juiz Moro é um tipo Collor, está querendo aparecer. Precisamos ser cautelosos, daqui a pouco tem novas eleições, deixa o povo decidir, é melhor deixar de lado essa forçação de barra de impeachment. Na época em que o FHC vendeu tudo que tinha e o que não tinha direito ninguém falou nada, a própria Globo ficou caladinha, será pq? Não quero em hipótese alguma ver o meu país dividido, como por ex: as coréias etc. “Como o (Afinal de contas o povo merece respeito) é cara de pau, Paulo Maluf perto dele é fixinha”.

      Boa tarde! Infelizmente tenho recebido inúmeras críticas em relação aos comentários que fiz a respeito do impeachment, hipoteticamente falando, da presidente Dilma, creio que essas pessoas que estão me criticando ainda não atentaram e não entenderam o meu ponto de vista, não morro de paixão pela presidente Dilma e nem pelo ex-presidente Lula, o que disse é que não é o momento para impeachment, pois o país está completamente dividido e pode realmente acontecer uma guerra civil ou até mesmo algo pior, me lembro muito bem o que o país passou durante os anos 60, 70 e 80, só não quero ver o futuro repetir o passado.