Parque expõe ciência e tecnologia a céu aberto

Com três espaços de exposição, Cientec aposta na interatividade com o público

Henrique Schirru

O Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade de São Paulo (Cien Tec), faz parte do conjunto de áreas do Parque Estadual Fontes do Ipiranga e fica próximo ao Jardim Botânico e ao Zoológico de São Paulo, em um ambiente natural e agradável circulado de conhecimentos, é responsável por quase 10% de área verde da cidade. Em 1928 o local onde hoje é o parque sediou um dos primeiros observatórios astronômicos da cidade. Em 2001 o Cien Tec foi criado, vinculado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária. É um museu interativo e a céu aberto, centrado em temas de física, matemática e meio ambiente com uma proposta de educação informal. Não é muito conhecido pela população por não ter tanta divulgação e por haver outros passeios mais populares e famosos que ele, como já dito anteriormente o parque se localiza próximo a dois grande ambientes da cidade de São Paulo.

O museu oferece diversas atividades que podem ser aproveitadas junto à família ou sozinho, desde que tenha agendado antecipadamente. Abre de segunda a sexta das 8h30 às 16h30 e sábados das 9h30 às 16h30.

A visita sem um guia é aberta e livre para qualquer um. Nesses casos não precisa ser agendado, mas quem não tem tantos conhecimentos na área é melhor ir acompanhado de um guia para que ele possa ir explicando as exposições e atividades. O parque conta com a Alameda do sistema solar, estação meteorológica, espaço astronomia, espaço geofísica, brinquedos de física, laboratório de ótica entre outras coisas.

Maria Cecilia Toloza de Oliveira, educadora/chefe técnica de serviços do parque, diz que a nascente do rio Ipiranga fica dentro do parque. Uma das atividades que podem ser feitas é o passeio dentro da mata fechada que contorna o lago formado por essa mesma nascente.

A maior demanda do parque é a visita ao planetário, tanto para as escolas como para o público que vai aos finais de semana, pois atualmente só existe o planetário do Ibirapuera, além do Cien Tec. “O observatório é uma grande atração pelo fato de ter uma das lunetas mais antigas de São Paulo, com 100 anos. Muitos vão apenas para conhecer a luneta também para observar as estrelas de noite.” Aos sábados são realizadas observações a partir das 19h. É recomendável fazer agendamento prévio por depender de questões meteorológicas.

“O parque tem três principais áreas o cosmo,o meio ambiente e as ciências (matemática e física). Dentro dessas áreas existem diversas atividades que são apresentadas ao público. A maioria das pessoas que visitam são as escolas que agendam para levar os alunos como complemento de matéria escolar. Mas o parque vem tendo mudanças e estamos abrindo aos finais de semana para que mais pessoas tenham contato com o conteúdo e atividades do Cien Tec.” relata Maria Cecília.

O maior evento que o parque realiza é a Feira USP de profissões. Mostra diversas áreas e cursos da USP para os alunos do ensino médio fazendo inclusive testes vocacionais para eles começarem a se familiarizar com o que eles vão querer ser no futuro. E aos sábados organizam a Tarde Científica, convidam professores ou pesquisadores e têm um bate-papo com os visitantes, como o café filosófico da cultura.

Entrevista: Maria Cecilia Toloza de Oliveira, educadora/chefe técnica de serviços

Existe algum incentivo do governo para manter o parque ?

Estamos ligado ao governo por pertencer a universidade de São Paulo, mas como qualquer outro órgão do governo eles estão com diversos problemas de financeiros principalmente a USP e não estamos diferentes nesse processo., relata a educadora.

Qual o objetivo do parque?

“O Parque CienTec é um espaço que convida você a descobrir como a ciência e a tecnologia estão presentes em sua vida.”

Com os cortes nos investimentos tem afetado o CientTec?

“Não temos o foco total em pesquisa mas o pouco que fazemos foi relativamente afetado pelo corte. O espaço CienTec constitui-se como importante local de desenvolvimento de pesquisas relacionadas a diferentes áreas”

Leave a Reply