Por Wesley Morais “Uma multidisciplinaridade que transforma objetos do nosso dia a dia em poesia cortante”. É assim que a arquiteta baiana Lúcia Santos descreve a primeira exposição individual de Nino Cais, intitulada, Ópera do vento. A mostra exposta na Casa Triângulo até o último mês de maio contou com uma instalação composta por 85
CONTINUE READING