Por Felipe Cereser e Gabriel Elias     “Bom dia, garoto”! Foi o que ouvimos logo depois de aberta a porta do elevador. Era 7h15min e lá estava um idoso seguindo a uma banca de jornal. Pouco tempo depois ele volta com uma edição do Agora São Paulo embaixo do braço direito. Após vinte minutos,
CONTINUE READING